Com a aproximação da turnê de Queen + Adam Lambert na Austrália, o “News.Com.Au” postou uma matéria concedida por Lambert, onde o cantor falou sobre assuntos como gravar um novo álbum com o Queen, sua trajetória com a banda, seu projeto solo e a legalização do casamento gay na Austrália.

   Confira abaixo a matéria completa:

Adam Lambert em um novo álbum do Queen: “Não está fora do campo de possibilidades.”

Adam Lambert – retoma seu papel de frontman com o Queen durante a turnê na Austrália, neste mês. – Revela ser aberto a criação de um novo álbum com seus companheiros de banda, mas insiste que ainda é seu “convidado”

Adam Lambert nunca poderia ter imaginado que a audição para o American Idol com “Bohemian Rhapsody” há nove anos, acabaria colocando ele em um dos maiores shows do mundo – entrando nos sapatos de Freddie Mercury à frente do Queen.

Enquanto ele se prepara para os próximos shows na Austrália, ele disse que esse momento plantou a semente para um dos maiores e mais bem sucedidos retornos de uma banda na história do rock.

“Essa música para mim no show, e, sem perceber, acabou me colocando lá fora.” -Ele disse.
“Então, para a final do Idol, Brian May e Roger Taylor foram convidados para performar “We Are The Champions” comigo, então, foi uma boa introdução para eles e uma boa maneira de conhecê-los até então.”
“Definitivamente houve um momento em que todos estavam se olhando e sentindo a sinergia, e depois, manisfestaram interesse em trabalhar comigo de novo.”

Os fãs do Queen receberam universalmente ele como o vocalista da banda nos últimos quatro anos, agora com a segunda turnê da Austrália começando na Qudos Bank Arena, em Sidney, no dia 21 de fevereiro.

A turnê mundial, sem dúvida, irá antecipar o filme “Bohemian Rhapsody”, protagonizado por Rami Malek como Mercury, que deverá estrear nos cinemas no final do ano.

Enquanto May contribuiu no trabalho solo de Lambert, a porta para gravar um novo álbum com o Queen continua aberta.

“Eu nunca diria nunca. Se eu, Brian e Roger criarmos novas músicas, seria mesmo chamado de Queen? Para mim, Queen é Freddie e eu continuo sendo um convidado.” -Ele disse.

“Mas não está fora do campo de possibilidades.”
“Eu tenho trabalho muito, muito duro no meu projeto solo enquanto tento fazer essa turnê com o Queen.”

Lambert tem aproveitado seu caso de amor com o público australiando desde o lançamento de sua carreira após o American Idol.

Ele fechou o Mardi Gras 2010, mas não poderá assistir as celebrações do 40° aniversário deste ano, pois ele estará no palco com o Queen em Melbourne.

“Por mais que fosse uma emoção, fazer esses shows indo a loucura por duas horas será meu Mardi Gras.”- Ele disse.

Uma das estrelas pop gay mais proeminetes do mundo, Lambert disse que o abraço da Austrália pela igualdade matrimonial foi uma “mensagem muito importante para enviar ao mundo.”

Lambert passou alguns meses aqui em 2016 como um dos jurados da série final do The X Factor.

“Estou emocionado porque eu sempre pensei na Austrália como este lugar maravilhosamente progressista e eu conheci pessoas maravilhosas em todas as vezes que estive lá”. – Ele disse.

“Eu pensei que era uma grande vitória de duas partes com a votação e depois a legislação.”

Queen e Adam Lambert se apresentam na Qudos Bank Arena em 21 e 22 de fevereiro, Brisbane Entertainment Centre em 24 de fevereiro, Adelaide Entertainment Centre em 27 e 28 de fevereiro, Rod Laver Arena em Melbourne em 2 e 3 de março e na Perth Arena em 6 de março.

Fonte
Tradução: Equipe Glamily Brasil